Iners.

3609755_P1590087

“E você sempre me deixa só. Você nem percebe mais deixa.
Sai para ir atrás de suas aventuras da noite e me deixa aqui pensando no que fazer, procurando algo interessante, só achando coisas entediantes, andando de um lado e do outro pensando se você está bem.
Não reclamo por querer ir atrás das suas histórias, mas confesso que prefiro quando você fica aqui, mesmo que longe, sei que esta aqui.
Sentir ciumes é inevitável, afinal, você virou “meu caso a ser estudado”, mas confesso também que não queria sentir. Eu penso, tento, crio hipóteses e desisto. Acho que é tudo bobagem!
Mais depois de te ver me rendo, me prendo e penso em tentar novamente, e dai você vem com suas aventuras da noite e não me entende. Não entende que eu quero deixar de ser apenas isso para ser aquilo. Não entende que dentro de mim existe sentimento e que eu só não exponho ele com medo de você entender errado e fazer papel de lesado.
Gostaria que notasse mais as coisas que acontece ao seu redor.
Que, ao invés de se deparar só com as coisas que estão a sua vista, que você abrisse os olhos e visse que quero ser mais que uma menina.Quero ser madura. Ser madura pra ficar a sua altura. Quero que enxergue, que não tenha medo e que se entregue.

Quero que se entregue.”

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Pensamentos

Comente :}

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s