Livros que já li!

Sou, simplesmente, apaixonada por leitura! Isso me acompanha desde os meus 10 anos de idade (acho comecei um pouco velha), e, desde então, leio e coleciono vários.
Sempre gostei do modo que viajamos quando estamos lendo um livro, cada detalhe, ponto, expressões, tudo isso faz com que a gente deixe a imaginação fluir e vamos montando nossa própria percepção sobre o que está escrito.
Já li zilhões de livros, mas hoje vou listar apenas seis e, em outro dia, listo outros!
Espero que gostem!

No.1: Hilda Furacão – Roberto Drummond.

HILDA_FURACAO_1230655938P_phixr
A história é rodeada de mistério e sensualidade num dos momentos mais críticos da política brasileira! O livro conta a história de Hilda, a Garota do Maiô Dourado, que enfeitiçava os homens na beira da piscina de um clube tradicional da cidade de Belo Horizonte quando, de repente, ela se muda pra zona boêmia da cidade e se instala no quarto 304 do Maravilhoso Hotel.

No.2: O Sertanejo – José de Alencar.

jose_de_alencar-o_sertanejo_phixr
O personagem principal é Arnaldo Loureiro, um vaqueiro cearense, simples, mas que luta pelo que quer e enfrenta tudo pelo amor e seus ideais. O vaqueiro trabalha para o capitão-mor, de nome Arnaldo Campelo. Arnaldo enfrenta todos os riscos necessários com a esperança de um dia conquistar a simpatia da meia irmã do capitão-mor, Dona Flor.

No.3: O Vampiro de Curitiba – Dalton Trevisan.

o-vampiro-de-curitiba_phixr
O livro conta a história de um “herói galante” e sua tara, que, de primeira, revela a sua maldição: é obcecado por fêmeas! Não há descrições detalhadas. É o próprio personagem que se revela ao leitor ao revelar sua tara. Atormentado pelo desejo carnal, o herói se dilacera na busca constante do outro.

No.4: Quem tem medo de vampiro? – Dalton Trevisan.

LV226120_N_phixr
Diferente de O Vampiro de Curitiba, Quem tem medo de vampiros? são contos de personagens que sofrem com problemas do cotidiano num mundo que não há heróis ou vítimas, vencedores ou vencidos. São 23 contos selecionados dos quais aparecem mulheres interesseiras, homens desprezados, velhos abandonados, entre outros, e revelações das facetas do ser humano com verdades que nem sempre queremos enxergar!

No.5: Água Viva – Clarice Lispector.

livro-agua-vivaclarice-lispectoreditcirculo-do-livro_MLB-O-19828_phixr
Já li umas 5 vezes. É um romance suave publicado em 1973. O livro-poesia aborda a vida e o assunto primordial é a existência e sua significação, característicos da autora. A ênfase é sempre dada nos processos, pensamentos e descobertas interiores dos personagens, no relacionamento entre as pessoas, e entre as pessoas e o mundo ao seu redor. Em muitos momentos se tem a impressão de que a Clarice está falando sobre si mesma, ou de uma fase de sua vida, fato que faz com que o leitor se identifique com as perguntas, conflitos, questionamentos e reflexões feitos pela própria.

No.6: Olhinhos de Gato – Cecília Meireles.

download_phixr
É o tipo de narrativa que tem em sua composição muita música e poesia! O livro relata a vida de Cecília Meireles como se fosse num diário de adolescente. Nele, você acha as alegrias, tristezas e as experiências uma pessoa que soube expressar, e muito bem, um pouco de todos nós.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Dica do Dia

Comente :}

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s