Porque ser igual não me convém.

tumblr_l6r2o6mpfn1qcu2a2o1_500_large

“O abstrato me convém.
Talvez porque, na maioria das vezes penso não ser de ninguém. Indiferente, olho pra cada dia pensando no que posso fazer para não ser monótomo como o anterior.
Vivo, respiro, reflito, sorrio, desencanto e volto a ver as coisas com olhar de analista. Não sei se com o tempo me tornei fria, mas sinto que isso faz bem pra mim.
Parecer ser inatingível foi tão divertido que virou realidade. Aprendendo com cada situação do dia a dia e percebo que tudo isso ao meu redor não faz parte de mim completamente e, a vontade de fugir para a utopia não tão utópica assim me faz querer continuar a seguir em frente, só pra sair daqui.
Enfim, um lugar distraído para abstratizar minha abstração.
Deu pra me entender ou não? Acho que não.

Ser abstrato é ser fora do padrão.”

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Pensamentos

Comente :}

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s